quarta-feira, maio 10, 2006

Apaixonante...

s
“A Magia da Dança”, espetáculo que o Ballet Nacional de Cuba apresentou em turnê por 9 cidades brasileira, incluindo Aracaju, resume de forma simples toda a simplicidade, leveza e plasticidade do Ballet Clássico mundial.

Um espetáculo com 2h e 30 minutos de duração, leva a platéia os mais conhecidos balés da história. São 7 obras do Repertório Clássico e Romântico, todas datadas do século XIX.

O virtuosismo é uma das características dos bailarinos do BNC. A cada peça encenada, um novo mundo se abre aos olhos do público presente. A leveza da cena de “Gisele”, ao teor sedutor do “Dom Quixote”. A força da Grand Pas De Duex de “A Bela Adormecida” e a precisão do “Lago Dos Cisnes”. A alegria das bailarinas do Corpo de Baile dançando “A Valsa das Flores” do ballet “O Quebra Nozes” e a sincronia perfeita em “Sinfonia de Gottschalk”.

Bailarinos de técnica invejável, somando-se ao público, “A Magia da Dança” do Ballet Nacional de Cuba, não poderia ser mais apaixonante.

Nenhum comentário: